Rede de Bibliotecas Municipais de Oeiras

Vista normal Vista MARC Vista ISBD

Cada homem é uma raça / Mia Couto.

Autor principal: Couto, Mia, pseud.Idioma: por..Publicação: Lisboa : Caminho, imp. 1990.Descrição: 181 p. ; 21 cm.Coleção: Uma terra sem amos, 44.Resumo: «Inquirido sobre a sua raça, respondeu: — A minha raça sou eu, João Passarinheiro. Convidado a explicar-se, acrescentou: — Minha raça sou eu mesmo. A pessoa é uma humanidade individual. Cada homem é uma raça, senhor polícia.» Extracto das "Declarações do Vendedor de Pássaros.Assunto - Nome comum: Literatura em língua portuguesa -- Autores africanos (Moçambique) | Contos estrangeiros
Etiquetas desta biblioteca: Sem etiquetas desta biblioteca para este título. Iniciar sessão para acrescentar etiquetas.
    classificação média: 5.0 (1 votos)
Tipo de documento Localização Cota Estado Data de devolução Código de barras Reservas
Texto Texto Biblioteca Municipal de Oeiras
Sala de Adultos
C&N CON-NOV-EST COU (Ver prateleira) Disponível 010190713
Texto Texto Biblioteca Municipal de Oeiras
Sala de Adultos - Ficção
C&N CON-NOV-EST COU (Ver prateleira) Disponível 010048331
Total de reservas: 0

«Inquirido sobre a sua raça, respondeu:
— A minha raça sou eu, João Passarinheiro. Convidado a explicar-se, acrescentou: — Minha raça sou eu mesmo. A pessoa é uma humanidade individual. Cada homem é uma raça, senhor polícia.»
Extracto das "Declarações do Vendedor de Pássaros

Comentado por Karine K.
18/04/2018

Lindos os contos, com enredo vívido e embalado pelo ritmo e melodia tão característicos do autor. Amo os escritos de Mia Couto, a maneira que escreve e suas junções de palavras e expressões. Recomendo muito a leitura.

Entre na sua conta para publicar um comentário.

Clicar numa imagem para a ver no visualizador de imagens

© 2010-2018 Município de Oeiras

Certificação de Qualidade Câmara Municipal de Oeiras